Beatriz Maia vence a 4.ª edição do Santarém Ladies Open

A tenista brasileira Beatriz Haddad Maia venceu, no passado domingo, a 4.ª edição do Santarém Ladies Open,  ao bater a polaca Martyna Kubka por claros 6-0 e 6-0, não dando quaisquer hipóteses à sua adversária da final, proveniente do qualifying.

Num encontro que durou apenas 56 minutos, a tenista que já foi “top-60” foi um pesadelo para Kubka que nunca conseguiu fazer o seu jogo, tal foi o pragmatismo e determinação da brasileira.

Com esta final, Beatriz aumenta para dois os títulos em três semanas no nosso país, depois de triunfar no Montemor Ladies Open e de ter feito final no Figueira da Foz International Ladies Open. Agora segue para a cidade do Porto, para disputar mais dois torneios: um de 15 mil dólares e outro de 25 mil.

PUBLICIDADE

Entretanto, na variante de pares, a portuguesa Francisca Jorge e a espanhola Olga Parres Azcoitia defrontaram e venceram a polaca Martyna Kubka e a ucraniana Valeryia Strakhova, em dois sets, pelos parciais de 6-2 e 6-3, confirmando o quarto título em conjunto.

Dominadoras desde o começo, Olga e Kika voltaram a confirmar o bom momento de forma e o triunfo no Santarém Ladies Open teve claramente um papel importante.

Numa análise à forma como decorreu o Torneio, Élio Cunha admitiu ao ‘Correio do Ribatejo’ que o mesmo se realizou “numa conjuntura difícil em que nos foram impostas restrições e normas de segurança de forma a não comprometermos a saúde das jogadoras”.

O presidente do Clube de Ténis de Santarém salientou ainda a “dedicação de todas as equipas de restauração, staff, press, covid officers e arbitragem foi extraordinária”, bem como “a emissão ao vivo dos jogos, a divulgação da press release e entrevistas via facebook minimizou o facto de existirem restrições de afluência de público”, concluiu.

fotos: Raquetc 

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS