O Município de Ourém anunciou um investimento superior a um milhão de euros em apoios sociais, às famílias e empresas face à pandemia da covid-19.

Após a reunião de executivo, o presidente da câmara, Luís Albuquerque, disse aos jornalistas que estima que “entre isenções e apoios o valor ultrapassa um milhão de euros”.

Segundo o autarca, em colaboração com as instituições particulares de solidariedade social e as forças de segurança, o município irá reforçar o apoio junto dos idosos ou pessoas e famílias “em situação de vulnerabilidade”, mantendo um contacto periódico com os mesmos, que poderá passar pela aquisição de produtos alimentares ou de medicamentos, em caso de necessidade.

Entre os apoios está previsto o pagamento de 100% das facturas da água às famílias numerosas e às que estão a beneficiar da acção social directa do município, assim como o pagamento das tarifas fixas às famílias “que foram afectadas nos seus rendimentos por força da pandemia”.

PUBLICIDADE

“Temos também previstos apoios para emergência social, nomeadamente para pagamento de despesas como água, luz, rendas ou medicamentos, para pessoas que se enquadrem nas normas estabelecidas”, explicou Luís Albuquerque.

Relativamente às creches e actividades de apoio às famílias, a autarquia irá apoiar as instituições em duas modalidades: “Se não aderirem ao ‘lay-off’, o município suportará 75% das mensalidades dos encarregados de educação. Se a instituição aderir ao ‘lay-off’, pagaremos 100% do valor salarial que cabe à instituição e apoiaremos as IPSS com 5% do valor da massa salarial dos trabalhadores que estejam em ‘lay-off’”, revelou.

O município irá também isentar as empresas do pagamento das tarifas fixas de água, saneamento e resíduos sólidos urbanos nos meses em que estiveram encerradas.

O sector ficará ainda isento do pagamento de taxas das esplanadas, toldos e reclames durante o ano 2021.

Luís Albuquerque anunciou ainda a aquisição de mais de 30 mil máscaras FFP2, “as que dizem ser mais aconselháveis”, para distribuir pelas IPSS do concelho.

O Município anunciou ainda que estão disponíveis cinco linhas telefónicas direccionadas a dar apoio à covid-19, acção social, violência doméstica, apoio psicológico e protecção civil.

Durante o encerramento das escolas, a câmara forneceu 331 refeições em ‘take away’ e 144 cabazes aos alunos dos escalões A e B.

O presidente revelou que na próxima reunião de câmara, no dia 15 de Fevereiro, irá anunciar “medidas adicionais de apoio dirigidas aos sectores de actividade mais atingidos pela pandemia e que tenham sofrido uma quebra de facturação superior a 50% comparativamente a 2019”. Será ainda apresentada a estratégia de retoma da hotelaria no concelho.

PUBLICIDADE
Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…