Coruche assinala o Dia Internacional da Mulher com exposição “Trajetos – Sociedade, Criatividade e Igualdade”

No âmbito do programa municipal Pontes para a Igualdade – Cidadania Participada, Igualdade Alcançada, Coruche assinala o Dia Internacional da Mulher, com a inauguração da exposição “Trajetos – Sociedade, Criatividade e Igualdade”, dia 8 de Março pelas 19 horas, na Galeria do Mercado Municipal.

Esta exposição é um desafio à reflexão. Reflexão nas suas diversas áreas, como igualdade, não discriminação entre sexos, paridade e igualdade social. “Trajetos – Sociedade, Criatividade e Igualdade” é um programa pioneiro na Vila de Coruche e segue os sucessos anteriores da exposição DIM_DECA (Dia Internacional da Mulher_Dia Europeu para a Criatividade Artística). A exposição conta, mais uma vez, com testemunhos de várias mulheres e homens, residentes em Coruche ou com forte ligação ao município, que em determinada altura da sua vida vivenciaram a criatividade e produção artística em vários pontos do Mundo, tendo em comum a comemoração de vários dias importantes no mês de Março, tais como:

Dia Internacional da Mulher a 8 de Março; Dia Europeu para a Criatividade Artística, Dia Mundial da Poesia; Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial; Dia Nacional da Árvore todos eles a 21 de Março; Dia Nacional do Estudante, a 24 de Março; Dia do Livro Português e 100 anos do nascimento de Sophia de Mello Breyner, a 26 de Março, e ainda o Dia Mundial do Teatro a 27 de Março. Ao longo da exposição também serão recordados os 20 anos do falecimento de Amália Rodrigues, os 50 anos do falecimento de Américo Durão e os 89 do falecimento de Florbela Espanca.

Em comum todos os trabalhos apresentados, quer seja em escultura, fotografia, pintura ou audiovisual, relatam temas sociais emergentes, como os sem abrigo, prostituição, espaços urbanos abandonados, violência no namoro, violência domestica ou pobreza.

A exposição conta com o apoio da APAV – Associação de Apoio à Vitima e da Câmara Municipal de Coruche, que em 2016 aderiu à Carta Europeia para a Igualdade entre Homens e Mulheres e aprovou o protocolo de colaboração com a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, sendo por isso um dos Municípios responsáveis no que respeita à igualdade de oportunidades, quer do foro social, económico, político e cultural, promovendo a mudança de atitudes e eliminando o estereotipo de género.

A exposição “Trajetos – Sociedade, Criatividade e Igualdade” ficará patente ao público, durante todo o mês de Março, e poderá ser visitada, todos os dias das 9h00 às 12h00 e das 14h00 às 17h30.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS