Ex-marido suspeito de assassinar mulher em danceteria na Golegã

O homem suspeito de ter assassinado uma mulher, de 53 anos, numa danceteria da Golegã, na noite de domingo, 17 de Fevereiro, foi detido pouco depois em casa de uma irmã, em Parceiros de São João, concelho de Torres Novas.

Segundo fonte da GNR, o suspeito é o ex-marido da vítima e não ofereceu resistência às autoridades no momento da detenção. Segundo foi possível apurar, o suspeito terá assassinado a vítima com dois tiros de caçadeira.

A patrulha de Torres Novas reteve o alegado homicida de 65 anos, até à chegada da Polícia Judiciária, a quem o caso foi entregue. O detido aguarda diligências para ser presente para primeiro interrogatório judicial.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Santarém afirma que, quando os bombeiros chegaram ao local, a vítima, uma mulher com cerca de 53 anos, “estava em paragem cardiorrespiratória, tendo sido efectuadas, sem sucesso, manobras de reanimação”.

O alegado autor do crime pôs-se em fuga, acabando por ser detido mais tarde, afirmou a fonte da GNR.

A vítima é Ana Maria da Silva, de 53 anos, residente na Vila da Chamusca onde era proprietária de uma pequena loja de artigos de olaria e pintura.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS