Fundadores do Teatrinho de Santarém homenageados nos Estados Unidos da América

Os animadores culturais Carla e António Heitor foram na sexta-feira, 7 de Junho, homenageados em Hartford, no estado norte-americano de Connecticut, no âmbito do ‘Dia de Portugal’.

Carla e Heitor foram agraciados por cerca de “três décadas de entrega à promoção da cultura popular portuguesa nos Estados Unidos”. Fundadores do Teatrinho e do Grupo de Jogos Tradicionais ‘O Alfageme’ de Santarém, emigraram, em 1991, para os Estados Unidos onde têm ajudado a promover a cultura portuguesa.

Ao jornal ‘Luso-Americano’, daquela comunidade, Carla Heitor disse ter sido surpreendida com esta distinção: “Uma coisa é reconhecerem-nos aqui em Danbury, onde desenvolvemos grande parte do nosso trabalho. Um reconhecimento a nível do estado, contudo, é algo que realmente muito nos sensibiliza e orgulha”, afirmou.

O casal tem-se envolvido em múltiplos projectos culturais com raízes em Portugal, nomeadamente, no Rancho Folclórico ‘Filhos de Portugal’, e no ‘Grupo Folclórico do Imaculado Coração de Maria’, ambos em Danbury, envolvendo-se desde a primeira hora com a comunidade local. “Criámos uma secção infantil e uma escola de folclore para os mais pequenos”, disse António Heitor ao Jornal ‘Luso-Americano’.

Sempre próximos da área do folclore e das tradições populares, à imagem do que faziam com o grupo ‘O Alfageme de Santarém’, o casal procura ensinar jogos tradicionais e incentivar os próprios ranchos a introduzirem outros elementos no seu repertório que não apenas a dança. “Algo que mostrasse aos americanos que antigamente não era só o folclore que se praticava no ambiente rural. Não era só dança, envolvia muito trabalho,” explica ao mesmo Jornal.

António e Carla têm feito demonstrações e sessões instrutivas na Biblioteca Pública de Danbury, onde exibem instrumentos agrícolas de trabalho e trajes. “A nossa cultura popular pode ser simples, mas é ao mesmo tempo complexa e rica e carece de explicações”, lembra Carla Heitor.

As paradas do ‘Dia de Portugal’ também têm servido, ao longo dos anos, de laboratório para projectos de promoção cultural. Os Heitor chegaram mesmo a criar carros alegóricos com símbolos nacionais, da Torre de Belém à padeira de Aljubarrota, explica o Jornal ‘Luso-Americano’.

Estiveram ainda envolvidos na concretização de um monumento à presença portuguesa em Danbury, instalado em Maio do ano passado, em frente à câmara municipal da localidade. Em seis meses conseguiram cerca de 27 mil dólares para a construção e instalação do monumento, inspirado nos Descobrimentos.

Carla e António sonham em breve regressar a Santarém para reintegrarem os grupos de teatro e de jogos tradicionais que aqui deixaram.

Foto: D.R.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS