Francisco Figueiredo (Graciosa), um dos mais destacados forcados da actualidade, será o próximo Cabo do glorioso Grupo de Forcados Amadores de Santarém, sucedendo a João Grave, tornando-se o 11.º Cabo da formação escalabitana. A passagem de testemunho deverá ocorrer, como é tradição, numa das corridas da Feira do Ribatejo, em Junho do próximo ano, na Monumental “Celestino Graça”.

O anúncio da mudança de Cabo foi feito pelo Grupo de Forcados Amadores de Santarém na sua página web, onde se destaca que o novo Cabo “foi escolhido de forma consensual”.

Francisco Maria Vaz de Almada Pereira de Figueiredo tem 26 anos, nasceu a 4 de Março de 1996, em Idanha-a-Nova, e após frequentar todo o seu percurso escolar entre Idanha e Santarém, licenciou-se em Gestão Industrial e Logística, com mestrado no ISCTE, em Lisboa, onde actualmente exerce funções na área de Consultoria. Sobrinho do antigo Cabo Pedro Figueiredo (Graciosa), Francisco iniciou-se nos treinos no GFA de Santarém com 16 anos e fardou-se pela primeira vez aos 18 anos, a 14 de Setembro de 2014, numa corrida celebrada em Ponte de Lima, pegando o seu primeiro toiro de caras um ano depois, na praça de Tomar, a 7 de Agosto de 2015.

“Determinado, dentro de praça e na sua preparação, o Francisco tem vindo a crescer no Grupo como ser humano e forcado, tornando-se uma referência dentro dos activos. É reconhecida por todos a sua entrega ao Grupo de Santarém e aos valores que o notabilizam há mais de cem anos” – pode ler-se na página web do GFA de Santarém.

Nos seus 107 gloriosos anos de História, o Grupo de Santarém teve dez Cabos. Foi fundado, em 1915, por António Abreu, que o capitaneou durante trinta anos, e a 27 de Maio de 1945 despediu-se no Campo Pequeno, passando o testemunho a D. Fernando de Mascarenhas, segundo Cabo (durante três temporadas). Seguiu-se Ricardo Rhodes Sérgio, porventura o mais emblemático Cabo dos Amadores de Santarém, que chefiou o Grupo entre 1948 e 1969, passando o testemunho ao quarto Cabo da formação, José Manuel Souto Barreiros, em 1 de Junho de 1969, na Monumental de Santarém – que passou a ser o cenário das passagens de testemunho no comando do Grupo.

José Manuel Souto Barreiros capitaneou o Grupo durante dez anos, despedindo-se a 17 de Junho de 1979, passando a ser Cabo Carlos Filipe da Gama Empis, de 1979 a 1991, e seguindo-se Carlos Grave, de 1991 a 1996, Gonçalo da Cunha Ferreira, de 1996 a 2002, Pedro Figueiredo (Graciosa), de 2002 a 2008, Diogo Sepúlveda, de 2008 a 2016, e João Grave, que comanda o Grupo há seis anos e a quem sucederá Francisco Graciosa. Felicidades a ambos.

Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Médico detido por abuso sexual de menores

Um homem de 27 anos foi detido esta manhã no Bairro de…

PSP apreende mais de 250 de aves na Avisan

Levantados três autos de contra-ordenação.