Just a Change chega a Santarém para reabilitar casas de quem não tem meios para o fazer

Projecto assente no voluntariado deverá permitir a intervenção em três casas do concelho, contando com um orçamento que poderá rondar os 22 mil euros.

O executivo da Câmara de Santarém aprovou, na reunião pública de quinta-feira, dia 01 de Agosto, a minuta do protocolo para a realização do projecto “Just a Change 2019”, que tem como principal objectivo a realização de obras e pequenas reparações em casas com más condições de habitabilidade de famílias desfavorecidas do município.

O projecto da Associação Just a Change pretende transformar a vida daqueles que mais precisam, transformando as suas casas em lugares dignos, mobilizando jovens voluntários nesta acção.

Desde 2010, a associação já reabilitou mais de 170 casas e 40 instituições, tendo um impacto a vida de mais de 1400 beneficiários e mobilizando mais de 4500 voluntários nacionais e internacionais.

Em Santarém, está prevista a intervenção em três habitações, sendo que o Município dará suporte técnico e financeiro à operação, no montante de cerca de 7.500 por cada casa e a Associação Just a Change ficará encarregue das acções de terreno, nomeadamente através da mobilização de jovens voluntários e logística de obra.

Para viabilização do programa, designado foram ainda envolvidos parceiros locais, nomeadamente a União das Freguesias de Achete, Azoia de Baixo e Póvoa de Santarém, que vai disponibilizar instalações para assegurar o alojamento gratuito a todos os coordenadores e voluntários, no total de 25 pessoas, durante o período de intervenção (20 Agosto a 1 Setembro).

O Centro Nossa Senhora da Luz da Póvoa de Santarém, a Santa Casa da Misericórdia de Alcanede e a Misericórdia de Pernes irão fornecer os almoços aos voluntários que irão colaborar em cada uma das três obras previstas.

Das situações sinalizadas e avaliadas em conjunto pelos Serviços de Acção Social da autarquia e pela Associação Just a Change, foram seleccionadas 3 habitações nas localidades de Alcanede, Pernes e Achete.

Trata-se de habitações propriedade de famílias que as habitam, “com baixos rendimentos e baixas competências pessoais e sociais”, que sem o apoio agora proposto não conseguiriam concretizar as melhorias das condições de habitabilidade.

A Associação Just a Change é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, sem fins lucrativos, que visa a promoção da habitação condigna e a inclusão social e comunitária de famílias carenciadas, promovendo igualmente o envolvimento de jovens estudantes universitários voluntários.

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS