O Bloco de Esquerda (BE) de Santarém lamentou a vandalização do seu material de campanha durante a madrugada de ontem em Salvaterra de Magos, afirmando que tem sido alvo de intolerância no período que antecede as eleições autárquicas de domingo.

“Hoje acordámos mais pobres no nosso concelho. Mais pobres em democracia, tolerância e respeito pelos outros. A maioria do nosso material de campanha foi vandalizado esta noite”, lê-se em comunicado enviado pela estrutura partidária.

O BE detalhou também o “roubo de muitas estruturas com cartazes”, cada uma com mais de 20 kg e quase dois metros de altura, “a vandalização da montra da sede” e “o incrível roubo de um ‘outdoor’ com três metros de largura por quatro metros de altura”.

“Temos sido ao longo da campanha os únicos a sofrer deste mal que afecta a nossa sociedade, que é a intolerância, a falta de respeito e de pluralidade, bem como a ausência de cultura democrática”, lê-se na nota.

PUBLICIDADE

Sublinhando que não desiste e que mantém a mesma determinação, o BE reafirma o seu “compromisso para com o concelho”.

PUBLICIDADE
Leia também...

Músico dos Santos & Pecadores morre vítima de acidente de trabalho em Tremez

Rui Martins, um dos músicos da banda Santos & Pecadores, morreu na…

Alterações ao Código da Estrada entram em vigor amanhã com multas agravadas

As alterações ao Código da Estrada aprovadas em Novembro entram na sexta-feira,…

Homem morre esmagado em acidente de trabalho em Alpiarça

Um homem morreu num acidente de trabalho, esmagado por uma máquina de…

Morreu Asdrúbal, figura de Santarém

Asdrúbal, figura icónica e popular de Santarém, faleceu na madrugada deste domingo,…