Nuno Russo, vereador da Câmara Municipal de Santarém (CMS) com o pelouro da Protecção Ambiental, visitou no dia 22 de Novembro, a acção de limpeza e desobstrução no rio Alviela junto da Casa do Alviela, onde estiveram presentes o executivo de Pernes e a Divisão de Ambiente e Sustentabilidade da CMS, bem como a comunidade Pernense.

Esta acção integra um projecto de intervenção fluvial direccionado a situações críticas de risco de inundação numa extensão de 2 Km 230 metros de linhas de água, designadamente na ribeira de Cuba, rio Alviela e ribeira de Cabanas, adjudicada pelo valor de 67.378,50 euros.

A limpeza e desobstrução é uma das componentes da reabilitação fluvial, que inicia o processo de construção de uma Estratégia inovadora para a Gestão Sustentável dos Recursos Hídricos a nível local, prosseguindo a recomendação da Década das Nações Unidas para a Recuperação dos Ecossistemas Naturais e que foi explicada pelo vereador Nuno Russo aos presentes nesta visita.

Nesta matéria de sustentabilidade dos recursos naturais, reforça-se a capacitação do Município, iniciada com o Fundo Ambiental, no âmbito das espécies exóticas e invasoras Aquáticas que se encontra na sua fase de acções de capacitação de equipas municipais de Ambiente.

Outro eixo da política pública local é a candidatura “Alviela 7.7” , submetida no passado dia 29 de Novembro, vocacionada para a “Reabilitação da rede hidrográfica do rio Alviela em Santarém com soluções de engenharia natural, e permitir diminuir o impacte das cheias provocadas pelo rio Alviela”, no âmbito do Aviso convite nº 06 REACT-EU/2021, em sede do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização Compete 2020, no valor de 839.626,00 euros.

A visão nesta matéria é executar uma política pública local para os Recursos Hídricos, priorizando e criando redes com Universidades e Institutos de investigação, com a autoridade da Água (APA-ARHTO), as polícias ambientais, e envolvendo as pessoas nas acções de reabilitação e recuperação fluvial para aumentar a literacia ambiental.
A Casa do Alviela é uma referência pela luta da comunidade de Pernes à poluição do rio Alviela e podendo constituir no futuro como um polo de Educação Ambiental.
Um rio ou ribeira é um ecossistema que urge preservar e promover a biodiversidade para garantir o bem-estar humano.

A vivência dos rios é fundamental para a sua preservação e para isso, o Município de Santarém irá publicar a referida Estratégia em 2022 para se criarem as condições favoráveis a projectos ambientais únicos de reconhecimento da comunidade, melhoria da qualidade das massas de água, aumento da biodiversidade e replicáveis no País.

Leia também...

Chuva está de regresso e coloca Santarém sob aviso amarelo

A chuva está de regresso ao distrito de Santarém a partir desta…

GNR recupera Bufo Real em Almoster

A Equipa de Proteção da Natureza e Ambiente do Destacamento Territorial da…

Aviso amarelo para o distrito de Santarém devido a temperaturas baixas

O tempo frio levou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera…

Passeio interpretativo nos 40 anos da Reserva Natural Paul do Boquilobo

O município de Torres Novas vai promover no domingo, 28 de Junho,…