A Ordem dos Enfermeiros revela que há 9366 profissionais, 286 dos quais no distrito de Santarém, disponíveis para contratação para a vacinação contra a covid-19 nos centros que vão estar espalhados pelo país, no âmbito da execução da segunda fase do plano, a partir de Abril.

Com base no desafio lançado no ‘site’ da instituição, no qual foi publicado na passada sexta-feira um inquérito para que os enfermeiros manifestassem a sua disponibilidade para integrar o plano de vacinação delineado pela ‘task force’, 8956 enfermeiros declararam estar disponíveis para o fazer fora do respectivo horário laboral, enquanto outros 410 disseram estar desempregados.

O organismo, liderado pela bastonária Ana Rita Cavaco, adiantou também que os dados recolhidos para esta bolsa de recursos humanos vão ser remetidos para o Ministério da Saúde e para a ‘task force, “com o objectivo de maximizar os esforços para a aceleração e massificação progressiva da vacinação em Portugal”, segundo a nota enviada, sem deixar de enaltecer o “elevado sentido de serviço, disponibilidade, profissionalismo e dedicação” dos enfermeiros.

PUBLICIDADE

A pandemia de covid-19 já provocou em Portugal 16.848 mortes, entre os 821.722 casos confirmados de infecção com o coronavírus SARS-CoV-2, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

PUBLICIDADE
Leia também...

Só Coruche e Sardoal escapam ao recolher obrigatório às 13h00 no fim-de-semana

Os concelhos de Coruche e Sardoal são os únicos, no Distrito de…

Hospital de Santarém no limite da capacidade de internamento de doentes covid

O Hospital Distrital de Santarém atingiu o limite da sua capacidade prevista…

Hospital de Santarém esgotou capacidade de internamento em enfermaria

O Hospital de Santarém esgotou a capacidade de internamento em enfermaria para…

Transmissão comunitária preocupa autarcas de Santarém

Os autarcas de Santarém estão apreensivos com a evolução negativa da situação…