A Direção-Geral de Alimentação e Veterinária notificou uma exploração pecuária que depositou cadáveres de bovinos na via pública na freguesia de S. Vicente do Paul, no concelho de Santarém, por ter cometido uma infracção.

Num comunicado divulgado esta segunda-feira, 7 de Dezembro, o Bloco de Esquerda afirma que a informação foi dada na sequência de uma pergunta entregue no parlamento pelas deputadas bloquistas Fabíola Cardoso e Maria Manuel Rola, na sequência de denúncias da população sobre a permanência, durante vários dias, de animais mortos junto à via pública.

Entretanto removidos do local, os animais provocavam maus cheiros e, segundo a população, atraíam pragas.

PUBLICIDADE

“Apesar de não ter prestado qualquer esclarecimento acerca da existência de um surto de tuberculose na exploração pecuária, o Ministério da Agricultura informou que o detentor da bovinicultura foi notificado pela DGAV para efectuar melhorias na sua exploração, particularmente no local onde são mantidos os cadáveres”, refere a nota.

PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Jogador do Alverca em estado grave no hospital após paragem cardiorrespiratória

O futebolista brasileiro Alex Apolinário, do Alverca, encontra-se em estado grave e…

Estatuto do Antigo Combatente assegura um “tardio, mas justo reconhecimento”

O parlamento aprovou, no passado dia 23, o Estatuto do Antigo Combatente,…