Santarém, Tomar e Coruche aderem à plataforma ODSlocal

As autarquias de Santarém, Tomar e Coruche aderiram à plataforma ODSlocal – Plataforma Municipal dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, um projeto pioneiro à escala mundial visa mobilizar e capacitar as comunidades locais (municípios, agentes económicos e sociais e cidadãos) para os objectivos da Agenda 2030 definidos pela Organização das Nações Unidas.

A iniciativa foi desenvolvida pelo Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável (CNADS), o OBSERVA (ICS-Universidade de Lisboa), o MARE (Universidade Nova de Lisboa), e a 2adapt, e é apoiada pela Fundação “la Caixa” e permite a adesão pela totalidade dos municípios do Continente e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

A plataforma ODSLocal é um instrumento que visa dinamizar e apoiar as câmaras municipais na gestão dos desafios de sustentabilidade e a promoção de iniciativas inspiradas nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), com metas bem definidas e mensuráveis, contribuindo para melhorar a vida das comunidades locais e estabelecer maior proximidade aos cidadãos.

PUBLICIDADE

No âmbito da iniciativa, serão distinguidos os Municípios com melhores desempenhos ou trajectórias de evolução mais favoráveis através de iniciativas que incluem a realização de uma Conferência Nacional anual, a atribuição do Prémio ODSlocal, e a atribuição do Selo ODSlocal.

A sessão pública de apresentação do ODSlocal, que conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República, vai realizar-se no próximo dia 11 de Novembro, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, com transmissão directa online  gratuita e aberta a todos os cidadãos,  através da inscrição prévia em http://www.odslocal.pt/lancamento.

Durante a sessão irão ser assinadas Cartas de Compromisso pelos municípios aderentes, que assim evidenciam o seu empenho em colocar as várias dimensões da sustentabilidade no centro das suas políticas e da sua acção diária.

PUBLICIDADE

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS