A autarquia de Vila Nova da Barquinha prevê inaugurar no final de Fevereiro o Trilho Panorâmico do Tejo, estando neste momento a decorrer os últimos os trabalhos de requalificação deste trilho que acompanha o rio, da foz do Zêzere em Constância, ao longo da margem direita do Tejo no território do município.

Segundo a Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, os trabalhos tiveram início em Outubro passado e está agora em curso “a empreitada de melhoria do acesso ao Cais Pai-Avô, na freguesia de Praia do Ribatejo”, uma intervenção que segundo a autarquia prevê a “execução de um pavimento de calçada para acesso ao rio”, para que o actual caminho em terra batida de resistência e condições de circulação pedonal e viária, permita “o acesso de pessoas e veículos ao rio Tejo, com vista à recolha e largada de embarcações de pequena e média dimensão”.

Junto ao rio haverá “estruturas para estadia dos pescadores, sendo uma mais valia para os utilizadores da rampa de acesso ao rio”, estruturas que servirão para “repouso e contemplação da paisagem ribeirinha” pelos visitantes do trilho.

Outra das requalificações integradas neste projecto, é a rampa no cais da freguesia de Praia do Ribatejo que foi aumentada no seu comprimento e largura, que segundo a autarquia vai “garantir e possibilitar a manobragem de atrelados de barcos para colocação na água, criando assim condições de melhor acessibilidade ao rio, possibilitando a realização de actividades de lazer num cais histórico”.

Integrado no projecto Rotas e Percursos do Médio Tejo, uma iniciativa da Comunidade Intermunicipal, o percurso do Trilho Panorâmico do Tejo tem uma extensão de cerca de 10,5 quilómetros à beira rio, entre a foz do rio Zêzere, em Constância, e Vila Nova da Barquinha.

“Com passagem no Castelo de Almourol, monumento nacional que em 2021 assinalou o seu 850.º aniversário, o trajecto dispõe de passadiços, corrimões, miradouros e áreas de lazer ao longo de toda a extensão. O Fluviário Foz do Zêzere, a Igreja Matriz de Tancos, o Parque de Escultura Contemporânea e o Centro de Interpretação Templário são outras atracções deste novo produto turístico, rico em património histórico e natural”, destaca a autarquia.

“No concelho de Vila Nova da Barquinha merecem destaque a Igreja Matriz de Atalaia – monumento nacional recentemente alvo de obras de requalificação, o Centro Integrado de Educação em Ciências, a Galeria do Parque (com curadoria da Fundação EDP) ou o roteiro de Arte Pública, um projecto artístico com obras espalhadas pelas ruas das vilas e aldeias de todo o concelho”, lê-se na mesma nota.

O “Trilho Panorâmico do Tejo” deverá abrir ao público no final de Fevereiro de 2022, estando, entretanto, a decorrer os trabalhos finais de limpeza de terrenos e de colocação de sinalética.

Leia também...

A herdade no Alviela e o pergaminho que ia para o lixo

Pergaminho do século XII salvo do lixo em Vale de Figueira.

Lenda da Sopa da Pedra chega às crianças de todo o mundo através da Expo 2020 Dubai

A lenda da Sopa da Pedra, prato típico de Almeirim, foi incluída…

Associação ‘Praça Maior’ fecha gestão da Praça de Touros ‘Celestino Graça’ com sentido de missão cumprida

A Associação “Praça Maior”, responsável pela organização das corridas de toiros na…

Gilberto Gil dá concerto com Adriana Calcanhotto em Santarém

A 7 de Novembro.