Técnicas da Biblioteca Municipal Marcelino Mesquita, no Cartaxo, ofereceram hoje poemas, “em papel e de viva voz”, à população da cidade, assinalando o Dia Mundial da Poesia.

Em comunicado, a Câmara do Cartaxo afirma que a iniciativa visou “aliar à promoção da leitura, a luta pela paz, lembrando à comunidade “que as palavras podem mudar o mundo e torná-lo um lugar mais solidário, onde o entendimento e a gentileza têm espaço e fazem bem mais sentido do que o conflito”.

“Os poemas vão andar pelas ruas, lojas, cafés, passeios e largos da cidade”, acrescenta.

Leia também...

A herdade no Alviela e o pergaminho que ia para o lixo

Pergaminho do século XII salvo do lixo em Vale de Figueira.

Lenda da Sopa da Pedra chega às crianças de todo o mundo através da Expo 2020 Dubai

A lenda da Sopa da Pedra, prato típico de Almeirim, foi incluída…

Associação ‘Praça Maior’ fecha gestão da Praça de Touros ‘Celestino Graça’ com sentido de missão cumprida

A Associação “Praça Maior”, responsável pela organização das corridas de toiros na…

Gilberto Gil dá concerto com Adriana Calcanhotto em Santarém

A 7 de Novembro.