A Programação em Rede promovida pela CIMLT – Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo, em colaboração com os onze municípios do território, que tem estado a decorrer com grande realce nos diferentes municípios, teve esta semana em destaque dança, cinema documental e cinema de carácter antropológico.

“Dançar Com… Alpiarça, Vindimas” em Alpiarça
Desta vez, a pandemia estragou mesmo a festa e a apresentação da residência artística, no pavilhão do Águias de Alpiarça, teve que se realizar apenas para familiares, sem acesso do público. Foi pena, porque o trabalho foi rico e intenso e incluiu uma pessoa com 92 anos, a demonstrar como a alegria e o espírito de viver são algo tão precioso e distintivo e que em boa parte residem no interior de cada um de nós. Parabéns a Alpiarça, pelo brilhante conjunto de bailarinos que ousou desafiar tudo e divertir-se com esta experiência magnífica. Parabéns à Academia de Dança do Círculo Cultural, que assim levou este magnífico projecto aos onze municípios da Lezíria do Tejo.

A Lezíria a Gostar Dela Própria
Em périplo por diversos municípios tem estado Tiago Pereira e o seu documentário “Meio, Homem, Trabalho”, trazendo ao nosso conhecimento e deleite, histórias, memórias, canções e práticas, pela voz e pela presença fílmica dos seus variados intérpretes, registos recolhidos ao longo de semanas, em todos os municípios da Lezíria do Tejo.

O trabalho foi apresentado no dia dezanove, sexta feira, às 21H30, no Cineteatro de Rio Maior, e no dia seguinte, sábado, mas às 21H00, no Cineteatro de Benavente.
Nos próximos dias será a vez do cineteatro de Almeirim (vinte cinco, quinta feira, às 21H00) e dois dias depois, do Espaço Jackson, na Glória do Ribatejo (vinte e sete, sábado, mas às 21H00). Oportunidade de ver uma reflexão fílmica sobre as nossas raízes e tradições.

PUBLICIDADE

Vale – Cinema Documental
Concluída a residência artística concretizada em Almeirim ao longo da semana anterior, está em preparação a edição do documentário sobre Migrantes e Gentes do Campo, reflectindo a realidade do concelho, e a apresentar no Cineteatro de Almeirim, no próximo dia vinte e seis de Novembro, sexta feira, às 21H30, no contexto do Film Fest.
Já no dia seguinte, vinte sete, sábado, às 18H00, no Cineteatro de Benavente, o tema desenvolvido por um conjunto de jovens do concelho e transformado em documentário será o Património Natural.

A Programação em Rede da Lezíria do Tejo tem financiamento: Portugal 2020, Alentejo 2020, União Europeia e é coordenada pela CIMLT.

PUBLICIDADE
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Leia também...

A herdade no Alviela e o pergaminho que ia para o lixo

Pergaminho do século XII salvo do lixo em Vale de Figueira.

Lenda da Sopa da Pedra chega às crianças de todo o mundo através da Expo 2020 Dubai

A lenda da Sopa da Pedra, prato típico de Almeirim, foi incluída…

Feira Nacional da Agricultura realiza-se entre 9 e 13 de Junho em Santarém

A Feira Nacional da Agricultura/Feira do Ribatejo (FNA) vai realizar-se entre 9…

Gilberto Gil dá concerto com Adriana Calcanhotto em Santarém

A 7 de Novembro.