O incêndio no concelho de Mação estava sem frentes activas às 23h45 de segunda-feira, com a situação no terreno a decorrer “relativamente calma”, disse à Lusa o vice-presidente da câmara e responsável pela Proteção Civil, António Louro.

“Há pequenas ocorrências nos limites do incêndio, mas a noite é sempre um momento mais calmo e não há nenhuma frente activa”, embora o incêndio, com 55 quilómetros de perímetro, não esteja ainda controlado, explicou a mesma fonte.

O incêndio, que deflagrou no sábado em Vila de Rei (Castelo Branco), alastrou ao concelho de Mação e, segundo dados da página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), às 23h55 de segunda-feira mobilizava 1.070 operacionais apoiados por 345 veículos.

PUBLICIDADE

Contactado pela agência Lusa, o vice-presidente da autarquia de Vila de Rei, Paulo César, explicou que os meios de combate às 23h45 permaneciam no local por prevenção, uma vez que o incêndio neste município estava em fase de rescaldo desde o início da noite.

No entanto, Paulo César não confirma o número de operacionais indicados pela ANEPC. “Se há esse número de efectivos não sei. Sei que não havia bombeiros em algumas aldeias”, disse.

No ‘briefing’ às 20h00 de segunda-feira na Sertã, distrito de Castelo Branco, o comandante operacional do Agrupamento Centro Norte, Pedro Nunes, declarou aos jornalistas que para esta noite a Proteção Civil estava a redefinir a sua estratégia, recorrendo ao uso de máquinas de rasto e ao ataque directo às chamas.

O comandante operacional confirmou também a chegada de quatro pelotões de militares das Forças Armadas ao terreno, sendo que dois ficaram instalados em Vila de Rei e os outros dois em Mação.

PUBLICIDADE
Leia também...

Salvador, Bebé do Ano em Santarém, recebe cheque-prenda do Correio do Ribatejo/Sonae

Salvador da Silva Carlota foi o primeiro bebé a nascer no dia…

João Manzarra apela à adopção de cães abandonados em Santarém

João Manzarra, conhecido apresentador de televisão, esteve esta sexta-feira, 15 de Novembro,…

Jogador do Alverca em estado grave no hospital após paragem cardiorrespiratória

O futebolista brasileiro Alex Apolinário, do Alverca, encontra-se em estado grave e…

Distrito de Santarém apenas com um concelho em Risco Muito Elevado

O Governo reviu ontem a listagem dos concelhos de risco e o…