Proximidade e mais e melhor pela região

As eleições para a Assembleia da República do passado dia 6 de Outubro concederam um mandato claro ao Partido Socialista para governar. Ao fim de quatro anos, os dados económicos são claros e Portugal está melhor. O Partido Socialista conta agora com 108 deputados eleitos (na última legislatura tinha 86), uma subida significativa na sua representação parlamentar. É igualmente o único partido que elegeu deputados em todos os círculos nacionais, bem como nos dois da emigração. A nossa responsabilidade é somente fazer ainda mais e melhor.

No contexto do distrito de Santarém, o Partido Socialista foi igualmente o único partido, dos que elegeram deputados, a crescer. Este foi um crescimento traduzido em votos e em mandatos, tendo sido o primeiro partido em 18 dos 21 concelhos. Com as entradas para o Governo de Alexandra Leitão e de Maria do Céu Albuquerque, os deputados do PS por Santarém são António Gameiro, eu próprio, Manuel Afonso e Mara Lagriminha.

A tomada de posse dos duzentos e trinta deputados e a posterior eleição do Presidente da Assembleia da República, decorreu a 25 de outubro. Este é um momento em que todos os que defendem a democracia sentem uma forte emotividade. Para mim, foi um momento em que senti a enorme responsabilidade de continuar a servir bem a causa pública.

O nosso parlamento é a representação da vontade popular. É o ponto chave da democracia. Estamos na XIV Legislatura e devemos continuar sempre a defender este paradigma. A função de deputado é extremamente escrutinada e, muitas vezes, desvalorizada e até mesmo atacada. Mas esse ataque vem dos inimigos da democracia, sendo certo que, na minha opinião, o exercício de cargos públicos deve obrigar-nos a uma conduta ética inatacável, onde o populismo fácil não tenha lugar.

Enquanto escrevo estas linhas, está para começar o debate do Programa do XXII Governo Constitucional. Trata-se de um ponto chave do debate político, um documento que coloca os traços e os compromissos para uma legislatura de quatro anos.

Em relação ao meu mandato, em particular ao compromisso que assumi, é o de sempre trabalhar pelo distrito de Santarém e por Portugal, com grande proximidade a quem me elegeu. Será essa sempre a minha postura. Uma postura de responsabilidade e de defesa intransigente da região, onde na saúde, no ambiente, na economia, na agricultura, na educação ou nas infraestruturas é possível ainda fazer mais e melhor pela nossa região. Agradeço ao Jornal “Correio do Ribatejo”, o renovado convite para escrever estas crónicas, que são mais uma forma de ampliar essa relação de proximidade.

Hugo Costa – Deputado do PS eleito por Santarém

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS

Deixar uma resposta