Resitejo quer tornar Feira da Agricultura ambientalmente sustentável até 2020

Com a Feira Nacional de Agricultura (FNA) à porta. há trabalho redobrado para a Resitejo – Associação de Gestão e Tratamento dos Lixos do Médio Tejo: de há três anos a esta parte, a empresa tem cimentado uma parceria com o CNEMA, o que permite fazer toda a recolha de resíduos produzidos no recinto de uma forma mais célere e eficaz, reduzindo custos e a pegada ambiental de um certame que é visitado anualmente por cerca de 200 mil pessoas.

Ao Correio do Ribatejo, Domingos Duarte, administrador da Resitejo, deixou uma mensagem no âmbito deste certame, convidando todos a visitar o stand da associação na FNA 2018.

(notícia desenvolvida na edição impressa de 01 de Junho)

info, , , , , ,

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS