Tomar acolhe Mundial de Wakeboard

A Wakeboard Portugal, estância de wakeboard em Castelo de Bode, acaba de anunciar o calendário de eventos desportivos e abertos ao público a realizar ao longo do verão.

O destaque vai para o Tomar Pro Wakeboard a 30 de Junho, a passagem do mundial da modalidade por Portugal, bem no centro da cidade templária e com o Rio Nabão como cenário, e para a possibilidade de experimentar o desporto gratuitamente ao longo de todo o verão.

A realização da prova é um acontecimento de grande importância para a cidade e para o concelho, já que se enquadra naquela que tem sido a política recente do Município de garantir a realização regular de grandes eventos culturais e desportivos capazes de atraírem a Tomar grande número de visitantes, contribuindo para a sua consolidação como polo turístico de excelência, não dependente apenas do Convento de Cristo.

Primeira estância do mundo de wakeboard com entrada gratuita em 2018

“A espetacularidade desta modalidade praticada num percurso natural em meio urbano vai com certeza deixar marcas indeléveis em todos os que assistirem. Esta prova é também uma consequência da aposta que o Município, em parceria com a Associação Portuguesa de Wakeboard e Wakeskate, tem vindo a fazer no desenvolvimento da modalidade no concelho, aproveitando as magníficas condições proporcionadas igualmente pela albufeira do Castelo do Bode, que se pretende transformar numa estância especialmente apropriada para a sua prática”, afirma Anabela Freitas, Presidente da Câmara Municipal de Tomar.

Tomar vai ser a primeira cidade do país a receber uma prova de wakeboard internacional mesmo no seu centro cultural, desportivo e lúdico. Esta prova tem a particularidade de aproveitar um dos melhores recursos de Tomar, o rio Nabão, e o seu magnífico enquadramento com o Mouchão e a Ponte Velha, valorizando as suas condições naturais de forma sustentável.

“A realização de mais um evento internacional do quadro competitivo da World Wake Association em Portugal é prova que o trabalho dos últimos anos está cada vez mais consolidado. Toda a cidade de Tomar está unida em torno deste evento mostrando que o wakeboard não se esgota na margem do lago de Castelo de Bode. Estamos a comunicar o destino Médio Tejo em todas as suas valências, seja o lazer, a gastronomia, a cultura ou a história. Os visitantes internacionais, além de se deslocarem por causa do wakeboard, deslocam-se à procura de experiências novas”, explica André Matos, presidente da Associação de Wakeboard e Wakeskate.

O plano para 2018 passa ainda por manter um quadro competitivo forte com a realização do Circuito Nacional de Cable e o Campeonato Nacional de Barco, mas também passa por criar mais oportunidades para os residentes locais e visitantes da região poderem usufruir da Estância de Wakeboard de uma forma gratuita. Todos os eventos de 2018 têm um período do dia destinado para qualquer pessoa poder experimentar wakeboard gratuitamente, entre as 9h00 e as 13h00.

“Queremos eliminar a barreira da primeira ida à água, que é sempre a mais difícil. É sem sombra de dúvidas o plano mais ambicioso de sempre e só possível de se concretizar dado o apoio da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, da Turismo do Centro, da Agência Portuguesa do Ambiente e dos cinco municípios parceiros – Abrantes, Ferreira do Zêzere, Sertã, Tomar e Vila de Rei”, acrescenta André Matos.

O evento seguinte tem lugar a 7 e 8 de Julho, com a 1ª Etapa do Nacional de Cable na Aldeia do Mato, Abrantes. A 4 e 5 de Agosto o Cable de Fernandaires, em Vila de Rei, vai estar todo o dia aberto ao público. O Lago Azul, em Ferreira do Zêzere, recebe a 2ª Etapa do Nacional de Cable a 11 e 12 de Agosto e de manhã, das 9h00 às 13h00, o cable vai estar aberto gratuitamente. O calendário termina a 8 e 9 de Setembro, com a 3ª Etapa do Nacional de Cable e o Campeonato Nacional de Barco, no Trízio, na Sertã, em que as manhãs voltam novamente a estar abertas aos curiosos pelo desporto.

Sobre o Projecto Wakeboard Portugal

O nosso clima e envolvente paisagística tornam o local perfeito para a prática da modalidade e esta região num destino de excelência para praticantes, seguidores e fãs do mundo todo. A missão do projecto Wakeboard Portugal é tornar a prática da modalidade mais acessível, construindo ao mesmo tempo um excelente destino turístico internacional. Um conceito de Wakeboard mais acessível, mais ecológico e desafiante.

Os municípios de Abrantes, Ferreira do Zêzere, Sertã, Tomar e Vila de Rei, a Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, a Turismo do Centro, o Turismo de Portugal e a Associação Portuguesa de Wakeboard e Wakeskate (APWW) em consórcio com a EIPWU (criadores dos projectos 7 Maravilhas) uniram-se na promoção deste novo destino através do wakeboard, um desporto que está em ascensão em todo o mundo.

As praias fluviais de Aldeia do Mato, Lago Azul, Trízio, Montes e Fernandaires têm cable systems implementados, naquela que é a primeira estância de wakeboard do mundo. Estes cinco cables são ligados entre si, num espelho de água com cerca de 30 quilómetros, por transfer de barco.

Esta é uma visão pioneira sobre o potencial do desporto no nosso país. Trata-se de um projecto estratégico para posicionar Portugal como cluster europeu da modalidade e destacar Castelo do Bode no mapa do wakeboard mundial.

info, , , , , , , ,

PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS